s

Para acessar a área restrita use suas credenciais da Área PT

 Login

Em Pauta Conjuntura: Novo portal ENFPT já está no ar

 

 

O novo portal da Escola Nacional de Formação do PT já está no ar. Mais moderno, dinâmico e interativo, traz conteúdos públicos e exclusivos para filiadas e filiados do PT. Os cursos e jornadas foram reorganizados de modo a se tornarem mais práticos e intuitivos.

No novo portal, é possível fazer os cursos e jornadas de formação online, além de consultar todas as edições do Em Pauta Conjuntura, dos Em Pautas Temáticos, os relatos e galerias de fotos dos Diários de Formação, o Acervo, o Banco de Políticas Públicas Municipais e a agenda das atividades de formação realizadas pela Escola.

Para acessar os conteúdos exclusivos para filiadas(os), é preciso se cadastrar ou atualizar os dados de usuário e senha na Comunidade PT.

Conheça o novo portal em www.enfpt.org.br!

 

Confira outros destaques:

  1. Programação do 6º Congresso Nacional do PT – Marisa Letícia Lula da Silva

Está chegando a hora do 6º Congresso Nacional do PT – Marisa Letícia Lula da Silva. O encontro acontecerá nos dias 1, 2 e 3 de junho, em Brasília. O Guia do Congressista, com todas as informações como programação, emissão de passagens, hospedagem, alimentação e credenciamento foi divulgado nesta semana pelo partido. O congresso acontecerá no Centro de Eventos Brasil 21 e o credenciamento de delegados(as) será no local do evento, das 10h00 às 19h00, do dia 01 de junho e das 09h00 às 12h30 do dia 02 de junho. Participarão do 6º Congresso 600 delegados(as) de 26 Estados e do Distrito Federal, entre membros do Diretório Nacional, presidentes estaduais do PT, governadores, deputados federais, deputados estaduais, prefeitos(as), vice-prefeitos(as), vereadores(as) e convidados internacionais. Confira aqui a programação.

  1. Auditoria KPMG diz a Moro que não houve ilícitos de Lula na Petrobras

A auditoria independente KPMG respondeu a um requerimento feito pelo juiz Sergio Moro, da Lava Jato, isentando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de participação em qualquer ato de irregularidade na Petrobras durante seu governo. Esta é a segunda auditoria que afirma que Lula não se envolveu em irregularidades na estatal. A primeira foi a PricewaterhouseCoopers, maior empresa de auditoria do mundo, em abril desse ano. “Não foram identificados pela equipe de auditoria atos envolvendo a participação do ex-presidente da república, Sr. Luiz Inácio Lula da Silva, na gestão da Petrobras que pudessem ser qualificados como representativos de corrupção ou configurar ato ilícito”, disse a KPMG, que auditou as contas da estatal entre 31.12.2006 e 31.12.2011. Leia mais aqui.

  1. STF autoriza Polícia Federal a interrogar Michel Temer

O presidente da República, Michel Temer, será interrogado pela Polícia Federal no inquérito em que é investigado, referente à gravação de conversa entre ele e o empresário Joesley Batista, da JBS, no último dia 17 de maio. O ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu que o presidente deve responder às perguntas dos policiais dentro do rito do inquérito. As perguntas poderão ser encaminhadas por escrito, e o prazo para respostas será de 24 horas. Leia mais aqui.

  1. Maia admite que mercado financeiro dita a agenda da Câmara

O presidente da Câmara,Rodrigo Maia (DEM) não se envergonhou em admitir, nesta terça-feira (30/05), que quem comanda a Câmara dos Deputados é o mercado financeiro. “A agenda da Câmara, em sintonia com a do presidente Michel Temer, tem como foco o mercado, o setor privado”, afirmou Maia, ao discursar no Fórum de Investimentos Brasil 2017, em São Paulo. Em seguida, Maia repetiu que a “Câmara vai manter a defesa da agenda do mercado”. Leia mais aqui.

  1. Centrais definirão mobilizações rumo à próxima Greve Geral

A CUT e as demais centrais sindicais irão se reunir na próxima segunda-feira (5/06), em São Paulo, para definir um calendário de mobilizações até a próxima Greve Geral. A expectativa é que a paralisação aconteça entre os dias 26 e 30 de junho e, como a manifestação do dia 28 de abril, também lutará contra as reformas do governo ilegítimo de Michel Temer (PMDB). Porém, conforme apontou o secretário-geral da CUT, Sérgio Nobre, terá o acréscimo do embate pelas Diretas Já: “Todas as nossas pautas, incluindo as reformas, tratam da democracia, porque democracia pressupõe igualdade de condições e tanto os ataques à aposentadoria quanto o roubo dos direitos trabalhistas desequilibram as relações entre os mais ricos e os mais pobres, patrões e trabalhadores. Acreditamos que essa ideia está chegando à sociedade e o primeiro passo é impedir que o povo seja excluído da escolha sobre quem comandará o país. Portanto, o primeiro passo é Diretas Já”. Leia mais aqui.

  1. Trabalhadores ameaçam greve contra ‘pauta de retrocessos’ do Metrô paulista

Após um mês de negociações, não houve avanços na campanha salarial deste ano dos metroviários paulistas. Segundo o coordenador-geral do sindicato da categoria Alex Fernandes, a direção da Companhia do Metropolitano (Metrô) apresentou um índice muito baixo de reajuste e os itens incluídos na proposta de acordo coletivo da companhia são um retrocesso para a categoria. “Em vez de dialogar sobre as melhorias que pedimos, alguns inclusive que não acarretam em gasto algum para a empresa, os diretores só querem falar de redução de direitos”, afirmou o sindicalista. Para Fernandes, a situação atual dos metroviários é um exemplo do que pode ocorrer no país com a aprovação da reforma trabalhista no Congresso Nacional. “Mas nós estamos na luta e se não houver avanços teremos uma nova paralisação dos metroviários”, completou o dirigente. Leia mais aqui.

  1. Lula vai ao STF para saber o que Léo Pinheiro receberá em troca da delação

Os advogados de defesa do ex-presidente Lula, Cristiano Zanin e Valeska Martins, entraram com uma “reclamação constitucional” no Supremo Tribunal Federal, ontem (30/05), com o objetivo de saber o que o ex-empresário da OAS, Léo Pinheiro, vai receber em troca do acordo de delação premiada com a Lava Jato. Desde o ano passado a grande mídia noticia que a delação de Pinheiro vinha sendo rejeitada pela força-tarefa por não atribuir a Lula culpa por esquemas de corrupção na Petrobras. Após meses na prisão e já condenado por Sergio Moro, Pinheiro usou sua audiência no caso triplex – no qual é co-réu, ou seja, não tem obrigação de depor dizendo a verdade – para acusar Lula de ser dono oculto do apartamento no Guarujá. Leia mais aqui.

  1. Plano da Frente Brasil Popular coloca democracia no centro do debate

A Frente Brasil Popular lançou na noite de segunda-feira (29/05), em São Paulo, um Plano Popular de Emergência que aponta propostas para a retomada do desenvolvimento brasileiro com ampliação da igualdade e distribuição de renda. Com caráter de documento em construção, o caderno aponta saídas em 10 pontos que sofreram retrocessos desde a elevação do ilegítimo Michel Temer (PMDB) ao cargo de presidente da República por meio de um golpe. Os textos tratam da democratização do Estado, políticas de desenvolvimento, emprego e renda; reforma agrária e agricultura familiar, reforma tributária; direitos sociais e trabalhistas; direito à saúde, educação, cultura e moradia; segurança pública; direitos humanos e cidadania; defesa do meio-ambiente e política externa soberana. Para o presidente nacional da CUT, Vagner Freitas, o que unifica todas as propostas é o desejo pela retomada da democracia e pela ampliação de programas capazes de atender a maioria e não o contrário. Leia mais aqui.

  1. Moraes extingue ação que pedia criação de imposto sobre grandes fortunas

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes decidiu nesta segunda-feira (29/05) extinguir ação movida pelo governo do Maranhão, que pedia a regulamentação do Imposto sobre Grandes Fortunas (IGF) previsto na Constituição, mas que ainda não foi instituído por falta de legislação complementar específica que caberia ao Congresso Nacional. A Ação Direta de Inconstitucionalidade por Omissão (ADO), movida pelo governador Flávio Dino (PCdoB), destacava que o estado do Maranhão saía prejudicado com a medida, já que depende de repasses federais para investimentos em diversas áreas estratégicas, como saúde e educação. Contudo, o ministro Alexandre de Moraes, sem avaliar o mérito da ação, arquivou a ação com base no que chamou de falta de “demonstração da pertinência temática” por parte do requerente. Leia mais aqui.

  1. Situação de Aécio Neves é insustentável

Deputados da Bancada do PT mostraram, na tribuna da Câmara, ser insustentável a situação do senador e ex-presidente do PSDB Aécio Neves, que foi flagrado pela Polícia Federal em mais um diálogo comprometedor. Desta vez, com o senador Zezé Perrella (PMDB). O deputado Zé Geraldo (PT) lembrou que, no diálogo, Aécio enquadrou o colega e exigiu fidelidade de Perrella. Além de se desculpar pela declaração e mostrar subalternidade a Aécio, Perrella fez uma declaração bombástica: “Eu não faço nada de errado, eu só trafico droga”. “Nós estamos diante de uma situação muito crítica neste País. Altas autoridades que representam o povo brasileiro no Senado Federal estão envolvidas em um mar de corrupção, que vai desde o caixa dois até o tráfico de droga. Este é apenas mais um dos múltiplos exemplos que compõem o Brasil do golpe”, denunciou Zé Geraldo. Leia mais aqui.

  1. Assista a reportagens pela TVT
    Na TVT, você assiste às reportagens e coberturas sobre os principais temas tratados pela mídia, com uma visão progressista e independente. Acesse pelo site, Facebook ou canal do Youtube da TVT.

 

Clique aqui e confira outros conteúdos do Em Pauta Conjuntura! Acesse aqui as orientações e o roteiro para a realização dos debates!

 

Banco de Políticas Públicas do PT

O Banco de Políticas Públicas do PT tem como objetivos disseminar o Modo Petista de Governar e contribuir para a elaboração de projetos pelos gestores petistas. O Banco reúne experiências desenvolvidas pelas prefeituras petistas em diversas áreas temáticas. Clique aqui para acessar e conhecer os seus conteúdos. Estão previstas, para 2017, oficinas para gestores das Secretarias Estaduais de Assuntos Institucionais (SEAIs), com a finalidade de construir uma memória dos municípios governados pelo PT.

 

Campanha de apoio ao Nexo Jornal, Carta Maior, Caros Amigos, Opera Mundi, Democratize e Socialista Morena

Contribua com o jornalismo independente e a liberdade de expressão, assinando o Nexo Jornal, os boletins da Carta Maior e a revista Caros Amigos, bem como apoiando o Opera Mundi, o Democratize e o blog Socialista Morena.

 

Apoie o Alerta Social e receba notícias pelo Celular

Os canais do Alerta Social – Qual direito você perdeu hoje? estão abertos desde o rompimento democrático no Brasil. Todos os dias, eles registram e divulgam, na forma de Alertas, os principais retrocessos sobre os direitos perdidos ou ameaçados por ações do governo federal. Para continuar esse trabalho, o Alerta Social precisa do seu apoio. Clique aqui e contribua. Para receber os alertas no seu Whatsapp, inclua o número 61 99803.3811 nos contatos do seu celular. Em seguida, mande um whatsapp com seu nome, cidade e estado. Confira o site aqui.