s

Para acessar a área restrita use suas credenciais da Área PT

 Login

Em pauta: As Contas Públicas

Por João Sicsú & Ernesto Salles

 

     A relação dívida do setor público com o PIB revela, em grande medida, a solidez da administração fiscal. Mostra a capacidade do Estado de pagar aos credores. O rigoroso Tratado de unificação monetária da Europa sugere um limite máximo de 60%. Mais importante que o nível da relação dívida/PIB é a sua trajetória. Ela ascende com característica explosiva no período 1995-2002, apesar das privatizações, que foram feitas em nome do abatimento da dívida pública. A boa administração fiscal do período 2003-2013 é inquestionável. A solidez fiscal não foi alcançada com o uso de planos de austeridade do FMI. As contas do governo melhoraram em decorrência do aumento da receita pública motivado pelo crescimento econômico e pela geração de milhões de empregos formais.