s

Para acessar a área restrita use suas credenciais da Área PT

 Login

Em Pauta Conjuntura: PT não votará em golpista

Em reunião na última segunda-feira (12 de junho) a bancada do PT na Câmara decidiu que não apaoiará quem votou pelo golpe, na eleição vindoura para a presidência da Câmara. Boatos divulgados pela Folha de São Paulo davam conta de que o partido estaria pensando em apoiar Rodrigo Maia, hipótese refutada pelo PT e sua militância.

Rui Falcão, em sua coluna semanal no portal do PT, afirmou que a luta contra o golpe ganhará apoio de juristas internacionais, atráves do “Tribunal Internacional”, que será instituído por movimentos sociais brasileiros, além de juristas de fora do país.

O deputado Enio Verri (PT-PR) publicou artigo no portal Brasil 247 analisando os desacertos do governo interino de Michel Temer ” “…definitivamente, o golpe não é contra o Partido dos Trabalhadores (PT) e a presidenta Dilma Rousseff. É contra um sonho nacional que vinha se tornando realidade para a maior parte da população brasileira.” afirmou o deputado.

Já o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) denunciou a proposta da Confederação Nacional das Indústrias de ampliar a jornada de trabalho de 44 horas semanais para 80 horas. Para o senador, a proposta é na realidade “uma proposta de escravização dos trabalhadores brasileiros”. Após a repercussão negativa da declaração, Robson Braga – presidente da CNI – voltou atrás e “reduziu” de 80 horas para 60 semanais, sua ideia de CLT.

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) discute hoje (13 de junho) o recurso de Eduardo Cunha, que tenta a todo custo se salvar da cassação. A avaliação é que a CCJ tente adiar a votação do recurso para agosto, aumentando a sobrevida do ex-Presidente da Câmara e aliado de Michel Temer.

O portal DCM publicou artigo revelando que a falta de sintonia de Marta Suplicy com o interino Michel Temer podem levar a senadora ao fracasso eleitoral na disputa municipal em São Paulo. Segundo o portal, a distância da ex-petista e Temer fez com que o PMDB se aproximasse de Matarazzo (PSD) e João Dória (PSDB).

A ENFPT lamenta o falecimento da ex-ministra-chefe da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Luiza Barros, que lutava contra um câncer de pulmão. Luiza foi uma combatente histórica do movimento feminista e da militância negra.

O ECA faz hoje (13 de junho) 26 anos. A Frente Nacional Contra a Redução da Maioridade Penal organiza atos em todo o país, confira:

São Paulo
Atividades recreativas, apresentações culturais, assembleia popular 26 anos do ECA, Caminhada e Ocupação Artística – São Paulo – Praça da Sé14h
Caminhada Tirem as Mãos do ECA, Concentração as 14h na Estação Cultural em Campinas

Acre
“Ato público – Apresentações Culturais (Dança, Teatro, Capoeira, Hip-Hop entre outras); Panfletagem; Apresentação da Guarda e Bombeiro Mirim;” Rio Branco – Coreto da Praça da Revolução – Centro (em frente à Prefeitura) – Avenida Getúlio Vargas 9h

Sergipe
Ato Público – Oficinas de: cartazes, percussão, Pintura de rosto, turbante,  contação de história, estencil;  Apresentações culturais; diálogo com a população intercalado com as oficinas e apresentações culturais; Passeata com panfletagem pelo Calçadão da João Pessoa.  Aracaju – Praça General Valadão 13:30h.

Distrito Federal
16:00h. Ato Público – Panfletagem, diálogo com a população e coleta de assinatura (abaixo-assinado contra a Redução); Atividade Cultural Rodoviária do Plano Piloto de Brasília.

Incidências no Senado e na Câmara Federal com faixas e Panfletaço

Rio de Janeiro
Panfletagem as 16h na ALERJ e Central do Brasil

Pernambuco
Ato público Recife – Praça da Independência 14h
Encontro de Formação Caruaru – Auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais 9h
Encontro de Formação Triunfo – Auditório do Lar Santa Elisabeth 8h

Rio Grande do Norte
9h – Roda de Diálogo sobre Redução da Idade Penal e Sistema Socioeducativo, local: CEDECA – Casa Renascer.
14h – OCUPE A PRAÇA! Juventude Contra a Redução – Local: Praça Cívica de Natal –
Oficina de Pipa; Oficina de Slike Line; Roda de Conversa; Produção de Materiais; Oficina de Teatro; Oficina de Batucada; Oficina de Stencil; Palco Aberto.

Pará
Seminário Belém – Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Pará (OAB/PA), localizado na Praça Barão do Rio Branco,  nº. 93, Campina, Belém/PA. 8h
Caminhada e ato publico em defesa do ECA, Concentração as 08h, na Praça São Sebastião em Santarém

Amazonas
2 Atos Públicos: flash mob em 4 pontos; Flash Mobs: Av. Djalma Batista; Av André Araújo; Av. Boulevard Álvaro Maia; Praça do Congresso | Ponta Negra 8h; 17h

Rondônia
apresentações culturais,  intercaladas com falas sobre violações de direitos humanos de crianças e adolescentes ( Cultura do Estupro;  Redução da Maioridade Penal;  Lei Orgânica do Conselho Tutelar) Espaço Alternativo 17h30

Roraima
Panfletagem e sensibilização e entrega de exemplares do ECA – Praça do Centro Cívico, às 07h

Manto Grosso do Sul
Seminário 26 anos do ECA, Mesa 26 anos do ECA, Roda de manifestações e fortalecimento da Frente MS contra a Redução da Maioridade Penal, Caminhada e Manifestação pública  na praça Ari Coelho  Contra a Redução da Maioridade Penal.
Local: MIS- Museu de Imagem e Som, Av. Fernando Correia da Costa,559 – 3°Andar – Campo Grande – MS

Mato Grosso do Sul
Mesa, Ato público e Panfletagem ALERJ Não informou Mesa: não informou ; Ato público: Praça Ari Coelho Mesa: 8h; Ato: 15h
Mato Grosso
Roda de Conversa Dialogando Sobre o ECA – Auditório da ADUFMAT – Campus UFMT, às 17h.

Mato Grosso
Evento Cuiabá – Auditório da ADUFMAT, no Campos da UFMT. 17h

Bahia
Caminhada Sobre o ECA; Audiência MP transmitida via TV para 28 Salas. Dia 22 – Audiência Pública do CECA na Assembleia Legislativa do Estado.

Tocantins
Oficinas de Cartazes, Estêncil e Confecção de Bandeiras Com Palavras de Ordem e Manifestações de Militantes Populares – Palco Aberto Para Manifestações Culturais e Panfletaço Contra a Redução e Pela em Defesa do ECA – No Ginásio Ayrton Sena em Palmas, a Partir das 18h.

Ceará
Às 17h, Grande Ato contra a Redução – Auditório da Escola Josiê Caminha de  Meneses, Rua Itú, 120, Granja Portugal – Fortaleza CE.

Amapá
Os Movimentos Sociais  Unificados pela infância, realizam no 13 de julho, dia que o ECA completa 26 anos uma grande panfletagem, com atividades lúdicas,  pipaço, brincadeiras e contadores de historias, será uma momento de muita alegria, e reafirmação de nossa luta pela Democracia e Direitos.  Venha e participe conosco 13/07 a partir das 15:30 horas ao lado da Fortaleza de são José de Macapá.

Rio Grande do Sul
Ato Público em Defesa dos Direitos Humanos das Crianças, Adolescentes e Jovens no dia 15 de julho às 17h – POA Esquina Democrática  (Zaire) Porto Alegre.
Audiência Publica no dia 13 de julho às 08:30, Av. Aurelino de Figueiredo, 80, Porto Alegre.

Piauí
Lançamento e  palestra: Plano Municipal de atendimento socioeducativo, Local: Edifício João Paulo VI Na av. Frei Serafim, depois da ponte da Frei Serafim, Horário:  abertura as 8:30 lançamento do plano, 9:00hs – palestra