s

Para acessar a área restrita use suas credenciais da Área PT

 Login

Em Pauta Conjuntura: Oposição sonha com impeachment

Em Pauta Conjuntura: Oposição sonha com impeachment

Tema em destaque: Oposição sonha com impeachment

A oposição não esqueceu ainda o sonho de conseguir derrubar o governo, democraticamente eleito, da Presidenta Dilma. Luis Nassif relata que estaria circulando entre os congressistas um calendário para o impeachment.

Ainda que seja improvável, a grande mídia continua fazendo o seu papel. O IBOPE, por exemplo, segue pesquisando qual candidato seria eleito caso a eleição ocorresse hoje. O fato concreto, no entanto, é que a eleição presidencial ocorrerá somente em 2018.

O ministro da justiça, Eduardo Cardozo afirmou: “Eu não vejo condições jurídicas para se falar em crime fiscal. Primeiro, o julgamento do TCU não foi feito; segundo, a decisão do TCU não foi referendada pelo Legislativo. Terceiro: mesmo que referendada, pode ser impugnada pelo Judiciário. Quarto: não existe nenhuma imputação direta à presidente da República, existem, inclusive, autoridades que são responsáveis”.

Ainda assim, Eduardo Cunha não desiste de ameaçar o governo, em prol de sua agenda conservadora. Esta semana o deputado pediu solicitou um levantamento da situação das contas de governos anteriores, que ainda estão pendentes. Isso porque o Congresso não pode analisar as contas de Dilma Rousseff antes de analisar as contas de ex-presidentes que ainda não foram analisadas. Vale lembrar que a última vez que um presidente teve as contas rejeitadas foi Getúlio Vargas, em 1937.

O judiciário também parece querer contribuir com o sonho golpista, o Deputado Paulo Texeira denunciou o que chamou de tentativa de censura do Juiz Sergio Moro: “Ele agora quer violar um princípio constitucional da liberdade de expressão ao censurar a fala da presidente da República”, declarou o petista.

Outros temas:

1) Gleisi Hoffmann: Beto Richa quer prorrogar o pedágio mais caro do Brasil

Nos últimos dez dias, surgiu com força a história de prorrogar os contratos dos pedágios no Paraná. O governador Beto Richa já tinha pedido à presidenta Dilma, que disse não!

Agora, representantes de entidades empresariais, depois de combinar com o governador, foram ao ministro dos Transportes pedir novamente a prorrogação da delegação das rodovias federais para o Estado, possibilitando ao governador Beto Richa renegociar os contratos com as concessionárias.

Saiba a situação dos pedágios no Paraná.

2) Prestes a ser votada, reforma política varia entre a mudança e a perfumaria

Em artigo, o ex-senador Aníbal Diniz aponta o “dilema complexo” da reforma política: ou radicaliza, atendendo o que quer a população, ou se deixa levar pelos atropelos regimentais de Eduardo Cunha.

Leia o artigo.

Clique aqui e confira outros conteúdos do Em Pauta Conjuntura!

Orientações e roteiro para o debate do Em Pauta Conjuntura

A Secretaria Nacional de Organização e a Escola Nacional de Formação estão convocando um amplo processo de debate pré-congressual a respeito dos temas da conjuntura atual, para preparar a nossa militância para as Etapas Municipais e Estaduais do 5º Congresso e para a ação política de todos os Diretórios Municipais, Estaduais e de todos os setoriais do PT.

Neste momento, em que diferentes setores da direita brasileira, por meio de métodos autoritários e golpistas, afrontam a democracia e o Estado de Direito, desqualificam a atividade política para continuar beneficiando uma elite social que favorece os interesses dos grandes rentistas, atacam frontalmente o governo da presidenta Dilma, que venceu as eleições livres com 52% dos votos, é muito importante que a discussão sobre a conjuntura nos diretórios, núcleos e mandatos do partido seja retomada e ampliada com o vigor necessário. Nosso objetivo é fortalecer a capacidade de leitura, interpretação, elaboração de nossos/as militantes, filiados e filiadas, contribuindo para uma forte ofensiva política voltada ao diálogo com a sociedade e à ação política do PT em cada lugar.  

Para isso, a Escola Nacional de Formação do PT está produzindo o “Em Pauta Conjuntura”, que apresenta roteiros para leitura de artigos divulgados no portal do PT Nacional, no Portal da Fundação Perseu Abramo, no site da liderança da bancada do PT na Câmara Federal, no site do PT no Senado, no portal do Instituto Lula e em portais e blogs de esquerda e progressistas, sempre que os artigos contribuírem para a compreensão de temas importantes para o País em coerência com a política do PT. O boletim será diário e distribuído pela Secretaria Nacional de Organização.

Com estas ações, podemos criar um ambiente ideal para ampliarmos a nossa mobilização em cada cidade do Brasil. Esta é uma vantagem que nenhum outro partido possui. Precisamos trazer os nossos mais de 1,7 milhão de filiados e filiadas para a disputa política.

Clique aqui e confira as orientações e o roteiro para a realização dos debates!