Você está aqui

Em Pauta Conjuntura: ENFPT realiza curso sobre desmonte dos direitos trabalhistas

Na fonte, publicado em: 
10 Abril, 2017

 

Hoje, às 19 horas, a Escola Nacional de Formação do PT, em conjunto com a Fundação Perseu Abramo, realizará o curso “O desmonte dos direitos trabalhistas”, com o intuito de explicar os principais aspectos e impactos da terceirização e da reforma trabalhista proposta pelo governo golpista de Michel Temer.

O curso será ministrado pelo deputado federal Patrus Ananias (que faz parte da Comissão Especial da Reforma Trabalhista) e pelo ex-ministro do Trabalho e da Previdência Social, Ricardo Berzoini.

A transmissão será ao vivo, no Facebook da ENFPT e da FPA, bem como no Portal da Escola. Para assistir ao curso presencialmente, inscreva-se pelo e-mail cristina.formacao@fpabramo.org.br.

 

 

 

Confira outros destaques:

 

1. Eleições internas no PT

O Partido dos Trabalhadores (PT) realizou ontem (9), o Processo de Eleições Diretas (PED) municipais em todo País. Nesta primeira fase, os filiados votaram em eleições diretas para presidentes municipais, chapas de dirigentes municipais e chapa estadual. A escolha dos filiados em todos os níveis (nacional, estadual e municipal) ocorre em três etapas em todo o Brasil. São 62.748 filiados que se apresentaram para concorrer às direções do PT para os próximos dois anos. Leia mais aqui.

2. Dilma: Brasil tem encontro marcado com a democracia em 2018

A presidenta eleita Dilma Rousseff foi convidada a palestrar no evento Brazil Conference, encontro realizado pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, no sábado (8). Em sua fala, Dilma denunciou, mais uma vez, o golpe à democracia sofrido no Brasil, com seu impeachment sem base legal e sem crime de responsabilidade. “Os americanos se indignariam se o Congresso destituísse um presidente eleito nas condições que ocorreram comigo”, afirmou. Para ela, o Brasil precisa se reencontrar, mas isso será possível apenas com a reafirmação dos valores democráticos. “O Brasil tem um encontro marcado com a democracia em 2018. Isso é inexorável para construir uma nova legitimidade, para recuperarmos as condições de crescer, de desenvolver e de sair da crise”. Leia mais aqui.

3. Para ministro da Saúde, exames que não detectam doenças são desperdício ao SUS

Conhecido pelas falas desastradas e que expressam uma visão privatizante do SUS, o ministro da Saúde de Temer, Ricardo Barros, foi para Cambridge (EUA) participar da Brazil Conference, evento sobre o Brasil organizado pela Universidade Harvard e pelo Instituto de Tecnologia de Massachussetts (MIT), e soltou a seguinte pérola: “80% dos exames de imagem no SUS (Sistema Único de Saúde) têm resultado normal” e isso representa “desperdícios que precisam ser controlados”. Em outras palavras, Barros vai contra a corrente de que a prevenção é sempre o melhor caminho tanto do ponto de vista da economicidade do Sistema quanto da qualidade de vida do paciente. Ele ainda afirmou para a BBC: “Temos que ter controle da demanda que os médicos fazem destes exames e passar a avaliar como utilizam sua capacidade de demandar do SUS. Se o médico solicita muitos exames que dão resultado normal, ele não está agindo de forma correta com o sistema”. Leia mais aqui.

4. Para a CUT, recuo de Temer é insuficiente: 'Queremos retirada do projeto'
A informação de que o presidente Michel Temer recuou em relação a alguns itens da reforma da Previdência foi interpretado pela CUT como um efeito da pressão popular sobre os deputados. Mas não é suficiente, segundo o presidente da central, Vagner Freitas. "Queremos que ele retire esse projeto de tramitação, tem que derrubar esse projeto. A CUT não vai sentar com o Temer para negociar, tem que retirar", afirmou o dirigente. "Qualquer reforma, nós só sentamos para discutir quando a democracia for restabelecida no Brasil”, acrescentou. Leia mais aqui.

5. A destruição da rede de proteção social

Em vídeo, Tereza Campello, ex-ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, fala sobre o impacto da proposta de Reforma da Previdência do governo golpista de Michel Temer sobre a rede de proteção social no Brasil. Confira o vídeo aqui.

6. A agroecologia como ferramenta política contra o agronegócio

Durante o I Circuito de Feiras e Mostras Culturais da Reforma Agrária, promovido pelo MST, no sábado (8), trabalhadores rurais, moradores da região e convidados debateram sobre alimentação saudável e agroecologia. Em roda de conversa, foi discutida como alternativa à alimentação saudável e livre de veneno uma nova relação entre agricultores e consumidores, trazendo experiências de Comunidades que Sustentam a Agricultura (CSA). Renata Navega, integrante do projeto CSA, apresentou um novo modelo de organização de consumo, que permite a participação das pessoas no planejamento da safra, além de alterar a forma de se relacionar com a terra e os alimentos. Leia mais aqui.

7. Assista a reportagens pela TVT
Na TVT, você assiste às reportagens e coberturas sobre os principais temas tratados pela mídia, com uma visão progressista e independente. Acesse pelo site, Facebook ou canal do Youtube da TVT.

Clique aqui e confira outros conteúdos do Em Pauta Conjuntura! Acesse aqui as orientações e o roteiro para a realização dos debates!

 

Vem aí o novo portal da ENFPT

Em breve, a Escola Nacional de Formação do PT lança seu novo portal, mais moderno, dinâmico e interativo. Outra novidade é que o acesso será integrado à Comunidade PT, ou seja, os dados de usuário e senha serão os mesmos. Recomendamos que você faça seu cadastro ou atualize seus dados cadastrais na Comunidade para acessar também todos os conteúdos da área exclusiva para filiadas e filiados do novo portal ENFPT.

Banco de Políticas Públicas do PT

O Banco de Políticas Públicas do PT tem como objetivos disseminar o Modo Petista de Governar e contribuir para a elaboração de projetos pelos gestores petistas. O Banco reúne experiências desenvolvidas pelas prefeituras petistas em diversas áreas temáticas. Clique aqui para acessar e conhecer os seus conteúdos. Estão previstas, para 2017, oficinas para gestores das Secretarias Estaduais de Assuntos Institucionais (SEAIs), com a finalidade de construir uma memória dos municípios governados pelo PT.

Campanha de apoio ao Nexo Jornal, Carta Maior, Caros Amigos, Opera Mundi, Democratize e Socialista Morena

Contribua com o jornalismo independente e a liberdade de expressão, assinando o Nexo Jornal, os boletins da Carta Maior e a revista Caros Amigos, bem como apoiando o Opera Mundi, o Democratize e o blog Socialista Morena.

Apoie o Alerta Social e receba notícias pelo Celular

Os canais do Alerta Social – Qual direito você perdeu hoje? estão abertos desde o rompimento democrático no Brasil. Todos os dias, eles registram e divulgam, na forma de Alertas, os principais retrocessos sobre os direitos perdidos ou ameaçados por ações do governo federal. Para continuar esse trabalho, o Alerta Social precisa do seu apoio. Clique aqui e contribua. Para receber os alertas no seu Whatsapp, inclua o número 61 99803.3811 nos contatos do seu celular. Em seguida, mande um whatsapp com seu nome, cidade e estado.  Confira o site aqui.